terça-feira, 26 de setembro de 2006

Revista Fórmula & Tecnologia VIA FARMA

VIA FARMA:
Uso da Cosmética Thermal na formulação de cosméticos.


 




REVISTA FORMÚLAS & TECNOLOGIA


 
1) Fale sobre algumas das principais aplicações e benefícios cosméticos da água termal no tratamento da pele.
As águas mineromedicinais de algumas Termas ou Estâncias Hidrominerais, são águas confiáveis do ponto de vista de contaminações e com diversos testemunhais terapêuticos de cura, em especial dermatoses diversas. Assim, seu uso pode trazer benefícios extras nas aplicações cotidianas e melhoria nos resultados de protocolos estéticos, além da formulação de produtos cosméticos do tipo “skincare”, cosmecêuticos, dermocosméticos ou mesmo farmacêuticos (industriais ou manipulados).

Estas Águas Termais e os produtos cosméticos aquosos, constituem uma tendência internacional, em especial na Europa. Isto porque são produtos portáteis de bolso ou bolsa, que podem ser utilizados no cotidiano para limpeza, hidratação e frescor da pele (propriedades fundamentais contra o envelhecimento cutâneo). Por reduzir a temperatura da pele durante e após o contato prolongado com o Sol, são também consideradas importantes aliadas no combate ao fotoenvelhecimento, as “Águas de Praia”.





2) Quais as vantagens do uso das águas e argilas termais na formulação de produtos cosméticos? É um diferencial para a farmácia magistral?
As principais vantagens são :
- insumos 100% naturais (pouca ou nenhuma contra-indicação)
- testemunhais terapêuticos, principalmente em uso externo, históricamente e amplamente comprovados (nas fontes, nos balneários, SPAs, centros termais e crenológicos)
- constantes análises físico-químicas e microbiológicas.
- preços relativamente baixos em relação aos produtos (insumos) farmacosméticos.
- Usos sustentáveis dos recursos naturais
- marketing dos nomes das próprias Fontes Hidrominerais(muitas delas famosas e reconhecidas nacional e internacionalmente).
- Para farmácia magistral a oportunidade de substituir numa formulação, a maior parte do volume dos produtos que são consideradas excipientes, veículos ou carga (ao uso de água desmineralizada ou minerais de carga/preenchimento) por ingredientes ativos das águas termais e das argilas.




3) E quanto ao custo do produto?
A maior parte do custo das águas e argilas está nos investimentos iniciais de pesquisas, análises, comparações, aspectos legais das minas, seleção, técnicas de coleta, envase e frete.


Contudo, cabe ao investidor absorver isto, pois os preços destas matérias-primas são internacionalmente competitivos e sempre chegam aos consumidores em valores bastante abaixo de outros similares.

Por isso, apesar de atualmente existirem poucas opções no mercado nacional destes insumos magistrais, seus preços são bastante atraentes quando considerados os resultados obtidos, ao marketing e a filosofia que o Termalismo envolve.





4) Quais as novidades/inovações mais recentes do termalismo, voltadas ao tratamento da pele?
Na verdade a indústria cosmética nasceu do Plâncton termal (microbiologia naturalmente existente nas Águas Termais), de Moligt Les Bains /FRA; desde então a maioria das Termas e posteriormente algumas denominadas SPA (que significa “Salus Per Aqua”), produzem suas linhas Cosméticas Termais. Por exemplo, algumas com o mesmo nome de suas marcas internacionalmente reconhecidas, como: Vichy, La Roche Posay, Avenne, Uriage,...


A sinergia com as atividades diárias da “SPA Experience” e dos centros termais, relacionadas à dermatologia, protocolos de estética, cosmiatria e dos testes em seus laboratórios; trazem constantes inovações para o setor de farmacosméticos e tratamentos para cuidados e rejuvenescimento cutâneo.





5) Atualmente, qual é a abrangência do termalismo no mercado magistral?
Os Recursos Naturais Terapêuticos (RNT) de que se utilizam o Termalismo, em especial as Águas Termais e as diversas argilas; vem sendo pesquisados e aplicados em diversos centros de pesquisas europeus, orientais e cubanos; direcionados especialmente a problemas dermatológicos e reumatológicos.

Nestes países, é muito raro encontrar um Centro Termal que disponibilize ao mercado seus RNT. Normalmente os utilizam em produtos farmacosméticos próprios, já formulados e com sua marca registrada. Existem mais de 100 marcas e a cosmética termal representa a maior parte do faturamento das mais famosas (Biotherm).

No Brasil, por diversos motivos, o mercado magistral tem a rara oportunidade de encontrar as Águas Termais e as Argilas, como insumos para formulações acessíveis para todo o mercado magistral que trabalha com produtos de usos externos e de cuidados com a pele.


Como maior recomendação, ou seja, no caso do Termalismo, deve-se esperar melhores resultados terapêuticos e de bem estar, sempre com a visitação aos balneários, Termas, SPAs, Estâncias Hidrominerais ou Talassoterápicas. Informe-se das Termas indicadas pela Medicina Hidrológica ou Crenologia, para tratamentos de dermatoses ou que possam trazer benefícios para a pele.



Atenciosamente
Geól. Fabio Tadeu Lazzerini
Diretor da Sociedade Brasileira de Termalismo
Diretor da ASP – Águas de São Pedro Ltda
info@aguasdesaopedro.com
http://www.aguasdesaopedro.com/



Fonte: REVISTA FORMÚLAS & TECNOLOGIA
VIA FARMA (set/2006)

Nenhum comentário: